ABIMDE participa de reunião do Fórum Nacional da Indústria

Encontro reúne associações setoriais da indústria nacional e tem o objetivo de contribuir para a formulação da agenda da indústria

Na última sexta-feira, dia 17, a Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança (ABIMDE) participou de reunião do Fórum Nacional da Indústria (FNI), no escritório de representação da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em São Paulo.

O diretor-executivo da ABIMDE, coronel Armando Lemos, representou a entidade no evento. “Participar dessa reunião do FNI é uma demonstração do nosso compromisso contínuo em impulsionar a excelência e a inovação na indústria brasileira de defesa e segurança. Estamos empenhados em colaborar e fortalecer parcerias estratégicas que promovam o desenvolvimento sustentável do setor,” destacou.

Após abertura e boas-vindas do presidente da CNI, Ricardo Alban, o Ministro das Minas e Energia, Alexandre Silveira, fez uma apresentação abordando questões relativas às tarifas de energia e ao setor de gás.

Silveira destacou a importância de uma política tarifária equilibrada para garantir a competitividade da indústria brasileira e esclareceu as medidas que estão sendo tomadas para modernizar a infraestrutura energética do país, com ênfase em fontes renováveis.

Na sequência, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG), Flávio Roscoe, apresentou a hidroelétrica como um elemento chave para a transição energética.

O conselheiro da CNI, Armando Monteiro, falou sobre a regulamentação da reforma tributária, enfatizando seu impacto sobre a competitividade industrial. Ele chamou a atenção para a urgência de um sistema tributário mais eficiente e simplificado, capaz de estimular o crescimento econômico e reduzir a carga sobre as empresas.

Outro ponto alto do evento foi a apresentação de Rafael Lucchesi, Diretor de Desenvolvimento Industrial da CNI, que discutiu a evolução do Grupo de Trabalho (GT) no Conselho Nacional de Desenvolvimento Industrial (CNDI) e o apoio à Frente Parlamentar do Brasil Competitivo.

Lucchesi destacou iniciativas para reduzir o chamado “Custo Brasil”, um conjunto de entraves que afetam a competitividade das empresas brasileiras.

O Diretor de Tecnologia e Inovação da CNI, Jefferson Gomes, finalizou o encontro com uma visão sobre as relações internacionais do Fórum Nacional da Indústria (FNI). Ele discutiu a importância de fortalecer parcerias globais e promover a inovação tecnológica como pilares para o desenvolvimento industrial do Brasil.

O FNI é um órgão consultivo da Diretoria da CNI, composto pelos presidentes das principais associações setoriais da indústria nacional, que tem, entre suas atribuições, contribuir para a formulação da agenda da indústria e para a definição de suas prioridades alinhadas à atuação para o futuro do setor.

Fonte: Portal BIDS