blank

Google News

Durante a Operação Ágata Conjunta 2022, o Comando de Fronteira Solimões/8° Batalhão de Infantaria de Selva (Cmdo Fron Solimões/8°BIS)  da 16ª Brigada de Infantaria de Selva, está operando na região da faixa de fronteira, nos Rios Içá e Puretê. A operação consistiu de ações interagências com a participação dos órgãos de segurança pública e teve a finalidade de coibir os ilícitos transfronteiriços (descaminho, contrabando e tráfico de drogas e armas) e crimes ambientais.

Entre no canal do Defesa em Foco no Whatsapp e fique por dentro de todas as notícias do dia

A Operação Ágata Conjunta

Para combater ilícitos nas fronteiras dos estados do Amazonas e de Roraima, foi deflagrada a Operação Ágata Conjunta, nesta semana (21/03). Cerca de 1,5 mil militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica estão envolvidos na missão, que conta com a participação da Polícia Federal, do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas. A iniciativa fortalece a presença do Estado, principalmente em áreas mais remotas, assegura a soberania do país, a lei e a ordem.

A Operação Ágata, que ocorre de modo articulado com países vizinhos, estados e municípios, inclui ações preventivas e repressivas contra crimes como contrabando, descaminho e narcotráfico, além de exploração mineral e garimpo ilegais, praticados na faixa de fronteira. Também, reforça o controle aduaneiro e apoia a população mais necessitada, como indígenas e demais residentes na faixa de fronteira. Para tanto, os militares dispõem de 100 embarcações, quatro navios patrulhas, um Navio de Assistência Hospitalar e 24 aeronaves para executar as atividades.

blankblankblank